Área restrita



Quem está online

Nós temos 42 visitantes online
Ano novo, vida nova PDF Imprimir E-mail
ANO NOVO, VIDA NOVA
Ano novo, vida nova é o que se escuta com muita frequência nesta época do ano. Mas, será que é assim mesmo? Não será que cada dia representa um novo começo, uma nova oportunidade que poderia ensejar a mudança?
Precisamos esperar que comece um novo ano para mudar? Precisamos agir como gado conduzido em massa, que nos digam como agir, para só então mudarmos nosso comportamento?
Na realidade, entendo que cada um de nós já foi intrinsecamente preparado para dar conta dos nossos compromissos. Cabe a cada um, por meio do autoconhecimento desvendar o enigma que é a vida. E aí reside a grande jornada da descoberta interior.
Há uma curiosa carta historicamente atribuída a Albert Einstein, um dos maiores cientistas de todos os tempos. Nessa carta, supostamente dirigida à sua filha Lieserl, o autor fala sobre a força infinita que move o mundo, o Amor.
“Lieserl, existe uma força extremamente poderosa para a qual a ciência ainda não encontrou uma explicação formal. É uma força que inclui e governa todas as outras,  está dentro de qualquer fenômeno no universo e ainda não foi identificada por nós.
Esta força universal é o Amor. Quando os cientistas buscam uma teoria unificada do universo, se esquecem da mais invisível e poderosa das forças.
O amor é luz, já que ilumina quem o dá e quem o recebe. O amor é gravidade, porque faz com que umas pessoas sejam atraídas por outras. O amor é potência, porque multiplica o melhor que temos e permite que a humanidade não se extinga no seu egoísmo cego. O amor revela e desvela. Por amor se vive e se morre!
O amor é Deus e Deus é Amor. Esta força explica tudo e dá sentido em maiúscula à vida. Esta é a variável que temos evitado durante tempo demais, talvez porque o amor nos dê medo, já que é a única energia do universo que o homem não aprendeu a manobrar segundo seu bel prazer.
Para dar visibilidade ao amor, fiz uma simples substituição na minha mais célebre equação. Se no lugar de E=mc² aceitarmos que a energia necessária para sanar o mundo pode ser obtida através do amor multiplicado pela velocidade da luz ao quadrado, chegaremos à conclusão de que o amor é a força mais poderosa que existe, porque ela não tem limite.
Após o fracasso da humanidade no uso e no controle das outras forças do universo que se voltaram contra nós, é urgente que nos alimentemos de outro tipo de energia.
Se quisermos que nossa espécie sobreviva, se nos propusermos encontrar um sentido à vida, se desejarmos salvar o mundo e cada ser sinta que nele habita, o amor é a única e última resposta.
Cada individuo leva no seu Interior um pequeno mas poderoso gerador de amor cuja energia espera ser liberada.
Quando aprendermos a dar e receber esta energia universal, querida Lieserl, comprovaremos que o amor tudo vence, tudo transcende e tudo pode, porque o amor é a quintessência da vida”.
Einstein, um judeu e cientista, portanto um homem da seara da “razão” teria formulado uma definição de amor muito próxima à mensagem que Jesus deixou há mais de dois mil anos: “Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo”.
Assim, se entendermos e utilizarmos o amor como a energia que move o universo, provavelmente colheremos amor, perdão, compreensão e sorrisos. Muitas pessoas ficam esperando as oportunidades chegarem, mas para ser um verdadeiro vencedor é preciso também assumir riscos, realizar coisas.
Assim, no próximo final de ano comemoraremos os resultados obtidos, Precisamos ver a passagem do tempo como uma conquista. Também é preciso não se arrepender das coisas que deixamos de fazer. Por isso, vamos tomar a iniciativa, não esperemos muito, assumamos.
Não vamos nos omitir. Façamos, mesmo errando. Aprendamos com os nossos erros. Arrisquemos, para conseguir algo novo. Sejamos entusiasmados com a vida, acreditemos em nossa capacidade de transformar a realidade.
Não esperemos saber tudo para agir. A própria ação desenvolve o saber.
Se continuarmos fazendo o que sempre fizemos, continuaremos obtendo sempre o mesmo resultado. Façamos diferente.
Feliz Ano Novo.
Heitor Rodrigues Freire – Corretor de imóveis e advogado.

Ano novo, vida nova é o que se escuta com muita frequência nesta época do ano. Mas, será que é assim mesmo? Não será que cada dia representa um novo começo, uma nova oportunidade que poderia ensejar a mudança?

Precisamos esperar que comece um novo ano para mudar? Precisamos agir como gado conduzido em massa, que nos digam como agir, para só então mudarmos nosso comportamento?

Na realidade, entendo que cada um de nós já foi intrinsecamente preparado para dar conta dos nossos compromissos. Cabe a cada um, por meio do autoconhecimento desvendar o enigma que é a vida. E aí reside a grande jornada da descoberta interior.

Há uma curiosa carta historicamente atribuída a Albert Einstein, um dos maiores cientistas de todos os tempos. Nessa carta, supostamente dirigida à sua filha Lieserl, o autor fala sobre a força infinita que move o mundo, o Amor.  

“Lieserl, existe uma força extremamente poderosa para a qual a ciência ainda não encontrou uma explicação formal. É uma força que inclui e governa todas as outras,  está dentro de qualquer fenômeno no universo e ainda não foi identificada por nós.Esta força universal é o Amor. Quando os cientistas buscam uma teoria unificada do universo, se esquecem da mais invisível e poderosa das forças.

O amor é luz, já que ilumina quem o dá e quem o recebe. O amor é gravidade, porque faz com que umas pessoas sejam atraídas por outras. O amor é potência, porque multiplica o melhor que temos e permite que a humanidade não se extinga no seu egoísmo cego. O amor revela e desvela. Por amor se vive e se morre!

O amor é Deus e Deus é Amor. Esta força explica tudo e dá sentido em maiúscula à vida. Esta é a variável que temos evitado durante tempo demais, talvez porque o amor nos dê medo, já que é a única energia do universo que o homem não aprendeu a manobrar segundo seu bel prazer.

Para dar visibilidade ao amor, fiz uma simples substituição na minha mais célebre equação. Se no lugar de E=mc² aceitarmos que a energia necessária para sanar o mundo pode ser obtida através do amor multiplicado pela velocidade da luz ao quadrado, chegaremos à conclusão de que o amor é a força mais poderosa que existe, porque ela não tem limite.

Após o fracasso da humanidade no uso e no controle das outras forças do universo que se voltaram contra nós, é urgente que nos alimentemos de outro tipo de energia.Se quisermos que nossa espécie sobreviva, se nos propusermos encontrar um sentido à vida, se desejarmos salvar o mundo e cada ser sinta que nele habita, o amor é a única e última resposta.

Cada individuo leva no seu Interior um pequeno mas poderoso gerador de amor cuja energia espera ser liberada.

Quando aprendermos a dar e receber esta energia universal, querida Lieserl, comprovaremos que o amor tudo vence, tudo transcende e tudo pode, porque o amor é a quintessência da vida”.

Einstein, um judeu e cientista, portanto um homem da seara da “razão” teria formulado uma definição de amor muito próxima à mensagem que Jesus deixou há mais de dois mil anos: “Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo”.

Assim, se entendermos e utilizarmos o amor como a energia que move o universo, provavelmente colheremos amor, perdão, compreensão e sorrisos. Muitas pessoas ficam esperando as oportunidades chegarem, mas para ser um verdadeiro vencedor é preciso também assumir riscos, realizar coisas. Assim, no próximo final de ano comemoraremos os resultados obtidos. Precisamos ver a passagem do tempo como uma conquista. Também é preciso não se arrepender das coisas que deixamos de fazer. Por isso, vamos tomar a iniciativa, não esperemos muito, assumamos. Não vamos nos omitir. Façamos, mesmo errando. Aprendamos com os nossos erros. Arrisquemos, para conseguir algo novo. Sejamos entusiasmados com a vida, acreditemos em nossa capacidade de transformar a realidade. 

Não esperemos saber tudo para agir. A própria ação desenvolve o saber. 

Se continuarmos fazendo o que sempre fizemos, continuaremos obtendo sempre o mesmo resultado. Façamos diferente.

Feliz Ano Novo.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Redes sociais

Facebook 
Hjemmeside Wildberry Telefoni Internet